Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
05 de abril de 2013, às 22h30min
Respondida
São Bernardo do Campo - SP

[alterado automaticamente pelo denuncio] EM QUARTO DE HOTEL (Mundial, Buenos Aires)

E FOI ASSIM QUE FUI TRATADA POR SER CLIENTE DECOLAR.COM... O que era para ser uma viagem inesquecível com os amigos, se tornou um verdadeiro pesadelo, quando ao chegar em meu quarto no Hotel Mundial, Av de Mayo 1298 (Buenos Aires) percebi que meu Notebook havia sido [alterado automaticamente pelo denuncio] de dentro da minha mala que estava dentro do meu quarto, este trancado com fechadura eletrônica e acesso a cartão. No dia 25/03/2013 seria meu ultimo dia de estadia no hotel, onde ao acordar pela manhã, tomei meu café e sai para aproveitar meu dia com meus amigos e antes de deixar o hotel, deixei minhas malas arrumadas para minha partida no início da noite. Ao chegar em meu quarto por volta das 17:00hr percebi ao abrir minha mala que meu Notebook (HP G42) não estava onde havia guardado. De imediato procurei a recepção do hotel para comunica-los e foi onde todo o descaso começou. De primeiro momento não havia gerente no hotel, tive que falar com o recepcionista que me informou que não podia fazer nada e se exaltando me perguntou se eu queria dinheiro em uma forma muito sarcástica, como se eu estivesse pedindo algum favor a eles. Alguns minutos depois chegaram dois policiais e os acompanhei até a delegacia para registro da ocorrência, enfim levei três horas para fazer o registro junto a policia Argentina e acabei perdendo meu voo que estava marcado para as 22:10. Ao retornar da delegacia consegui contato com o gerente do hotel, onde me informou que o mesmo não se responsabilizaria pelo [alterado automaticamente pelo denuncio] e que o seguro do hotel só cobre as coisas que estão dentro do cofre, deixando escapar que um fato parecido([alterado automaticamente pelo denuncio]) havia ocorrido a uns 15 dias atrás no hotel, muito normal para eles. 1ª O Notebook não cabia no cofre; 2ª O aparelho não estava jogado ou a facíl acesso de terceiros, estava dentro de meu quarto (onde só eu e o hotel tinhamos acesso), dentro da minha mala. Após todo esse desgaste precisei remarcar minha passagem que vinha acompanhada por uma bela multa, essa que o hotel informou que também não pagaria. O hotel em momento algum se responsabilizou pelo [alterado automaticamente pelo denuncio] e danos causados dentro do estabelecimento deles, passaram diversas informações divergentes, riram da minha cara e de meus amigos, informaram que um funcionário havia entrado por duas vezes em meu quarto durante minha ausência, mas o serviço de quarto não havia sido feito. Enfim, acabei passando a noite no quarto com meus amigos, dormindo no chão pois o hotel não oferecia nenhuma segurança quanto a minha pessoa e meus objetos. NUNCA NA MINHA VIDA HAVIA SIDO TÃO HUMILHADA. Só lembrando que o hotel já estava pago conforme o pacote de viagem que COMPREI junto a DECOLAR.COM. De acordo com o código de defesa do consumidor, a agência de turismo como intermediadora dos serviços tem como responsabilidade os serviços prestados pelo estabelecimento terceiro, pois o hotel contratado estava em seu catalogo sendo oferecido como opção para meu pacote de viagem e a DECOLAR.COM também não quer se responsabilizar. O meu prejuízo entre o aparelho [alterado automaticamente pelo denuncio], voo perdido e compromissos importantes que perdi aqui no Brasil por não retornar na data prevista ficaram acima do valor que paguei a DECOLAR.COM para realizar essa viagem, acredito ter pago por uma segurança e confiança que não me foram dadas conforme o acordado. Espero que as empresas aqui citadas entrem em acordo entre sí e me forneçam como consumidora alguma assistência por tudo que passei, pois paguei para que me oferecessem um serviço descente da qual eu não tive. Em pensar que o Brasil vem investindo milhões de reais em segurança, transportes, obras de Estádios para trazer os turistas e poder acomoda-los da melhor forma, dinheiro esse que é cobrado em todo e quanto é tipo de imposto que pagamos (são muitos) e quando saio de meu país sou tratada dessa forma, por um hotel que eu paguei e por confiar nos serviços da DECOLAR.COM. Alguém terá que se responsabilizar por essa falta de respeito que venho sofrendo como consumidora. Desde já não recomendo os serviços da DECOLAR.COM pois as parcerias que a mesma possui em serviços hoteleiros são de origem duvidosas e não zelam pela integridade física, moral e dos bens de seus clientes.
Resposta da Empresa:
25 de abril de 2013, às 17h18min
Olá,

A Decolar.com, em contato com a Sra. Jéssica e informou sobre os procedimentos adotados neste caso. Desta forma, a Decolar.com está à disposição da Sra. Jéssica para o esclarecimento de eventuais dúvidas que possam surgir.

Vale lembrar que a Decolar.com está à disposição da Sra. Jéssica também pelos seguintes meios de atendimento:

Serviço Decolar.com ao Consumidor:
Telefone gratuito: 0800 721 6527 atendimento 24 horas.
Solicitações: www.decolar.com/MeuDecolar

Atenciosamente,
Equipe Relacionamento com o Cliente
www.decolar.com
Decolar.com Brasil

Siga-nos no Twitter: @Decolar e acompanhe as novidades através do Facebook Decolar.com

Você está encerrando esta denúncia.

Qual nota de satisfação você daria para esta empresa? Você foi bem atendido?

Dê a sua nota:

Você voltaria a contratar esta empresa?

  • Não
  • Sim
Encerrar esta denúncia

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!