Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
08 de maio de 2014, às 11h37min
Realizada
Jundiaí - SP

Alterações no imóvel - divergente da compra - PROPAGANDA ENGANOSA

Venho através deste informar e documentar minha insatisfação pelos funcionários da obra do Complexo Reserva do Japi em Jundiai - Residencial Crisântemos. Além disso venho solicitar um esclarecimento claro sobre o assunto, e não informações divergentes a cada contato.

Realizei a compra de um apartamento no referido condomínio. No momento da venda analisei detalhadamente a planta e croqui do empreendimento, que estava impresso e a disposição dos compradores.
Verifiquei o apartamento no qual mais adequava-se a minhas necessidades, e no caso depois de diversas análises verifiquei que o apartamento 105 do bloco 5 - térreo do residencial crisântemos era o único no qual a janela de um dos quartos não ficava de frente para outro apartamento, e sim paralela a janela da sala (segue planta como arquivo anexo para análise).
Além disso, de confirmar com o vendedor e confirmar no croqui e plantas baixas da engenharia, solicitei a planta baixa por meio de ocorrência no portal de relacionamento na qual recebi e confirmava a janela no local em qual comprei.

Porém, desde o ano passado na primeira visita durante a fase de obra, e depois com a vistoria antecipada, informei ao Engenheiro Rui Pamplona e seus assistentes que minha janela estava localizada em local divergente da planta e da compra. Me inconformei quando recebi as palavras do sr. engenheiro dizendo "E qual é a diferença de a janela estar em local incorreto?".
Como comprador tive o direito de escolha da melhor planta em meu entendimento, e com isso tenho o direito de receber o que comprei na planta e de acordo com planta no momento da compra.

O Sr. Rui Pamplona por diversas vezes foi avertido que a vistoria seria reprovada por este motivo, e o mesmo sempre respondia que estaria vendo com a diretoria de engenharia, porém nunca me prestou retorno.

No momento da 1º Vistoria (Vistoria Antecipada), constatei em vistoria ao assistente de obras que me acompanhou durante a vistoria que a janela estava em desacordo com a planta. O mesmo chamou o sr. Rui Pamplona no momento e verificaram a planta de engenharia juntos, no qual constataram a presença real de irregularidade em relação a janela. Levaram até o diretor de obras (Sr. Vitor), e saíram com a resposta de que iriam verificar novamente com a diretoria de obras , pois estavam sem tempo devido aos diversos problemas ocorridos com o atraso das obras (já havia se passado mais de 4 meses da primeira vez em que informei o problema). Além disso, informaram que nem precisaria assinar a recusa da vistoria antecipada, pois o problema era mais grave.

Sem nenhum retorno, no dia em que houve a audiência na câmara dos vereadores de Jundiaí, no qual contávamos com a presença do Diretor de Relações Institucionais Sergio, relatei o problema ao mesmo, que anotou em seu celular meus dados e número de telefone, além de meu CPF, informando que iria solicitar ao pessoal responsável para que resolvessem meu problema.

Porém até o presente momento continuo sem informações e sem realizar novas vistorias ou entrega de minhas chaves.

Solicito uma resposta e posicionamento urgente sobre este caso, e peço que sejam claros, e que resolvam definitivamente esta situação, visto que há vários meses estou com estas solicitações em todas as instâncias.


Após diversos chamados abertos via internet no site de relacionamento com o cliente, e ligações para a central de atendimento, além da regional de Campinas, recebo a ligação no dia 08/05/2014 da funcionária Ariele que informou que não será possível a alteração da janela para o local em qual comprei, e que devo aceitar o imóvel desta maneira senão o apartamento ficará parado.

Solicitei uma outra solução para o caso e se tinham algo a declarar e a mesma informou que a única declaração é que tenho que receber o imóvel desta forma.

UMA VERGONHA ESSA MRV... MRV NUNCA MAISS... E AINDA LIGAM PERGUNTANDO SE EU INDICARIA A MRV... É ÓBVIO QUE NÃO... NEM PARA UM PIOR INIMIGO...

NUNCA COMPREM... ALÉM DO ATRASO DE MAIS DE UM ANO... NÃO SOLUCIONAM NENHUM PROBLEMA.
Resposta da Empresa:
27 de junho de 2019, às 00h23min
A empresa em questão ainda não se pronunciou sobre esta denúncia.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!