Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
20 de setembro de 2013, às 22h27min
Realizada
São Paulo - SP

CARRO ZERO KM. ABALO ESTRUTURAL. LONGARINA. RECUSA DE INDENIZAÇÃO INTEGRAL.

A MARÍTIMA DEMORA MAIS DE 20 MINUTOS PARA ATENDER O CANAL DE ATENDIMENTO AO CLIENTE E DIZ QUE NÃO HÁ PRAZO PARA O ANALISTA CONCLUIR A ANÁLISE DE RECLAMAÇÃO DE SINISTRO.
NO DIA 25 DE AGOSTO DE 2013, ÀS 19H10, UM SEGURADO DA MARÍTIMA QUE TRAFEGAVA EM ALTA VELOCIDADE (MAIS DE 100 POR HORA) BATEU NA TRASEIRA DO MEU CARRO, FAZENDO-O GIRAR E QUASE ATINGIR CLIENTES DA PADARIA 3 NAUS, NA VILA FORMOSA. APESAR DE ELE ACIONAR A SEGURADORA DELE (MARÍTIMA) E COMUNICAR O SINISTRO, RECONHECENDO QUE TINHA CULPA, O MEU CARRO ESTÁ NA OFICINA DESDE 26 DE AGOSTO DE 2013 SEM SOLUÇÃO.
INICIALMENTE A MARÍTIMA AUTORIZOU REPARO DE ALGUMAS PEÇAS DO VEÍCULO, MAS NO MOMENTO EM QUE A HONDA DESMONTOU O CARRO VERIFICOU QUE A ESTRUTURA DO CIVIC (LONGARINA) ESTÁ AFETADA.
COMPREI O CARRO ZERO KM E SÓ TINHA DOIS MESES DE USO.
MESMO COM O ABALO ESTRUTURAL, A MARÍTIMA SEGUROS SÓ AUTORIZOU O CONSERTO (PARCIAL) DO VEÍCULO ATÉ AGORA E NÃO SE POSICIONOU SOBRE A INDENIZAÇÃO INTEGRAL. ASSIM QUE TIVE CIÊNCIA DO ABALO ESTRUTURAL, IMEDIATAMENTE CONTATEI A MARÍTIMA (AOS 16 DE SETEMBRO DE 2013) E SOLICITEI A REAVALIAÇÃO DA PROPOSTA DE REPARO (PROTOCOLOS: 202769341 E 202784487), COM A SOLUÇÃO DO SINISTRO POR MEIO DE INDENIZAÇÃO INTEGRAL, MAS NÃO TIVE RETORNO. HOJE, NOVAMENTE, FIZ NOVO CONTATO (PROTOCOLO: 202781677) E A MARÍTIMA, ALÉM DE NÃO TER A SOLUÇÃO ATÉ AGORA, DIZ QUE NÃO HÁ PRAZO PARA CONCLUSÃO DESTA NOVA ANÁLISE.
CONSEGUI ACIONAR O MEU SEGURO (ITAÚ) E USAR O CARRO RESERVA POR 15 (QUINZE) DIAS, JÁ QUE A MARÍTIMA NÃO O DISPONIBILIZOU PARA MIM. DEPOIS DE EXAURIDO O PRAZO DE UTILIZAÇÃO DO CARRO RESERVA DO ITAÚ, ESTOU PAGANDO DIARIAMENTE R$100,00 (CEM REAIS) COM A LOCAÇÃO DE UM VEÍCULO PARA IR AO TRABALHO. A MARÍTIMA ESTÁ CIENTE DESTA DESPESA E SIMPLEMENTE DIZ QUE NÃO A REEMBOLSARÁ.
UM CARRO ZERO KM, NO VALOR DE R$70.000,00 (SETENTA MIL REAIS), QUE NÃO FICARÁ NAS MESMAS CONDIÇÕES DE ANTES EM HIPÓTESE ALGUMA, JÁ QUE, POR CONTA DO ABALO ESTRUTURAL (LONGARINA), ESTÁ SUJEITO A CONSTANTES INFILTRAÇÕES, PERDA DE ALINHAMENTO, ESTABILIDADE E SEGURANÇA, DESVALORIZAÇÃO DE 30% A 40%, RISCO DE NÃO SER ACEITO NA APÓLICE DE SEGURO FUTURA DE OUTRAS SEGURADORAS, NÃO PODERÁ SIMPLESMENTE SER CONSERTADO SÓ PORQUE ISSO É MAIS CONVENIENTE PARA MARÍTIMA.
APESAR DE TODO ESTE ABUSO AO DIREITO DO CONSUMIDOR, A MARÍTIMA SIMPLESMENTE DIZ QUE NÃO FAZ CONTATO ATIVO (PORQUE O SEU SERVIÇO É REATIVO) E NÃO HÁ PRAZO PARA SOLUÇÃO DO SINISTRO, DE MODO QUE TENHO QUE LIGAR DIARIAMENTE PARA OBTER NOVAS INFORMAÇÕES.
Resposta da Empresa:
21 de novembro de 2018, às 14h17min
A empresa em questão ainda não se pronunciou sobre esta denúncia.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!