Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
20 de abril de 2016, às 10h30min
Realizada
Itapetininga - SP

Cobranças Abusivas

Comprei um carro financiado pelo Itaú em 2010, paguei durante quase 4 anos e por uma infelicidade acabei sofrendo um acidente no qual perdi o carro. Na época me preparava para passar por uma cirurgia na cabeça, quase morri naquele acidente enfim logo após isso entrei em contato com o banco avisando tudo que tinha acontecido e que não tinha condições de quitar minha dívida, eles me disseram que iam vir buscar o carro mas devido ele estar todo batido e com perca total eles não vieram. Fiz minha cirurgia, retirei um tumor maligno do cérebro, foram meses de tratamento (radioterapia e quimioterapia) enviei fotos e os laudos dos médicos que me operaram para provar que não tinha condições de pagar o que devia na época me encontrava afastado do trabalho e recebendo quase 50% do que eu ganhava. Até que eles me ofereceram R$7.600,00 para quitar minha dívida, lembro-me que na época um amigo me ofereceu R$5.000,00 no carro no estado em que ele se encontrava, liguei no banco para fazer uma oferta de R$5.000,00 + 3 parcelas de R$500,00 sendo a última de R$600,00, mas na mesma hora o banco recusou. Eles me cobravam diariamente e não entravamos num acordo, as pessoas que passavam e se interessavam no carro ofereciam no máximo R$3.000,00 mas não era o suficiente para chegarmos num acordo e o banco não me deixava vender nesse valor. Chegaram a ligar no meu trabalho não sei como mas descobriram o telefone da onde eu trabalho para me cobrar, creio que isso e contra a lei já que não passei nenhum contato dessa empresa e na época que comprei o carro trabalhava em outro lugar, por conta disso levei uma advertência de que não era para ficar passando o contato da empresa para resolver assuntos pessoais resumindo quase fui despedido.
Recentemente entramos num novo acordo R$4.000,00 e que assim que aparecesse interessado poderíamos vender, até que 18/04/2016 um atendente ligou em casa para me cobrar novamente mas agora tinha mudado, o valor da dívida era de R$5.800,00, fiquei indignado porque eu não tenho condições de pagar esse valor, sem falar que acho injusto pois já paguei quase todo o valor do carro. Sendo assim espero que alguém do banco Itaú ou dessa empresa mal organizada (GRUPO AVAL/ TOLEDO PIZA ADVOGADOS ASSOCIADOS) possa resolver meu problema, já que não estou me negando a pagar o que devo e sim tentando chegar a um acordo. Se isso não se resolver aí eu vou entrar com um processo por perdas e danos já que os mesmos fazem pouco caso comigo.
Resposta da Empresa:
24 de maio de 2019, às 07h14min
A empresa em questão ainda não se pronunciou sobre esta denúncia.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!