Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
20 de fevereiro de 2011, às 19h50min
Realizada
Brasília - DF

Compra de moto YZF-R1

Olá, venho através deste expressar minha profunda insatisfação com a autorizada Yamaha de Caldas Novas, sou apaixonado pela YZF R1, tive uma comprada nova em janeiro de 2010, infelizmente sofri um acidente onde a moto sofreu perda total, como um fiel apaixonado pela marca e pelo modelo (2008) resolvi então comprar outra, fiz contato com varias lojas pelo país inclusive a loja de Caldas Novas, pra minha surpresa e alegria no dia 17/02/11 recebi uma ligação do Sr. Jean Carlos (vendedor !?!?) da loja de caldas novas dizendo que teria uma moto usada semi-nova para vender, perguntei o estado geral da moto e seu valor, ele respondeu que a moto estaria sendo vendida por R$ 48.000,00 e seu estado seria de nova, respondi que iria pensar e que ligaria de volta. No dia 18/02/11 fiz novo contato com o Sr. Jean Carlos e disse que por R$ 48.000,00 não me interessaria, mais que se ele me fizesse a moto por R$ 46.000,00 eu iria até a sua loja para olhar, e que se moto estivesse nas condições descritas eu compraria sim, ele me respondeu que faria por este valor, então disse a ele que ligaria para combinar quando iria até a loja, lembrando que moro em Brasilia –DF a mais de 350 KM da loja, bom fiz outro contato no dia 19/02/11 na própria loja e fui atendido pelo Sr. Reginaldo, perguntei pelo Sr. Jean Carlos e fui informado de que o mesmo não estaria na loja, perguntei então pela moto , e tive a mesma resposta ( moto original 2008, oficial, com 3.400 KM rodados, sem detalhes em estado de nova) informei da minha conversa com o Sr. Jean Carlos e perguntei se a loja abriria no dia 20/02/11 e se poderia ir até a loja para ver a moto, fui informado pelo Sr. Reginaldo de que não tinha certeza se a loja abriria ou não mais que eu poderia ir , pois mesmo com a loja fechada me mostraria a moto, pediu que anotasse seu celular para que quando eu chegasse na cidade ligasse pra ele, disse a ele então que eu iria sim e que mais ou menos umas 09:00 da manhã eu estaria na cidade, viajei 350 Km e na hora combinada liguei para o Sr. Reginaldo, ele me informou que a loja estava aberta e que eu me dirigisse ate lá. Chegando a loja procurei pelo Sr. Reginaldo e pela R1, fui atendido de forma estranha mais até ai tudo bem, olhei a moto, gostei e disse: GOSTEI DA MOTO A MOTO É MINHA!, foi quando o Sr. Reginaldo me disse que teria que verificar pois a moto estaria sendo negociada com outro cliente pelo Sr. Carlos (seu gerente), o questionei imediatamente perguntando: A moto me foi apresentada como produto de venda e não vi nenhuma placa de vendida na moto (o que realmente não existia), o Sr. me ofereceu a moto e eu estou aqui, quero comprar a moto, o negocio pra mim esta fechado!, ele me respondeu que iria ligar para o Sr. Carlos e perguntar se a moto estava vendida ou não, após alguns minutos o Sr. Reginaldo (que também é gerente) retornou com a resposta de que a moto estava vendida, frustrado com a resposta o questionei: porque se a moto estava vendida, ele me fez viajar 700 Km (ida e volta) para ver uma moto que eu não poderia comprar? e se a moto estava vendida porque não existia a informação de vendida na moto?, sem uma resposta retornei a minha cidade com a frustração de não poder comprar a moto, pelo tempo e dinheiro perdidos para me deslocar de um estado a outro, e simplesmente ouvir de um gerente de uma loja autorizada Yamaha me dizer que eu viajei 700 Km pra nada. Peço encarecidamente que seja analisado o caso pois isso é de uma extrema falta de respeito e profissionalismo, eu não estava em uma loja qualquer, estava em uma loja autorizada e pior, fui atendido pelo gerente da loja,como um gerente de loja com o peso de uma bandeira Yamaha que tanto amamos pode tratar um cliente desta forma? um não dois, pois tive a informação de que o Sr. Carlos é gerente regional das lojas do grupo no estado de Goiás. Agora como uma pessoa(sendo gerente regional) vende uma moto e não comunica a loja que a moto esta vendida?.Como outra pessoa (gerente da loja)faz com que um cliente viaje 700 Km para informar que a moto não pode ser comprada?. Porque não me informou de que a moto estaria sendo negociada?. E lamentável, realmente nunca fui tão desrespeitado em toda minha vida, e pior por dois gerentes que deveriam dar exemplos de respeito e profissionalismo para seus clientes e colaboradores. Henrique César.
Resposta da Empresa:
16 de junho de 2019, às 02h33min
A empresa em questão ainda não se pronunciou sobre esta denúncia.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!