Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
22 de novembro de 2017, às 14h34min
Realizada
Campo Grande - MS

Empresa e vitima de [alterado automaticamente pelo denuncio] bancaria e Santander não devolve recurso

Dia 12 de julho deste ano minha empresa localizada em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, foi vítima de [alterado automaticamente pelo denuncio]s. Tendo acesso a informações privilegiadas da conta bancária, iludiram uma funcionária causando prejuízo de mais ou menos 16 mil reais. Simulando ser funcionário do Banco Santander, com informações bancárias privilegiadas, acabaram solicitando uma série de procedimentos como atualização do TOKEN, e dessa forma efetivaram a transferência de recursos no montante descrito acima. No dia seguinte, contatamos que todos os acessos da conta estavam bloqueados. Ligamos para o gerente do banco (Agência 2140) e descobrimos que haviam sido feitos pagamentos indevidos para a conta ?Pagamento Tributo Estadual em Canais Internet SEFAZ ES DUA DET?. Entramos em contato com a Central de Atendimento do Santander para sabermos quem foram os responsáveis pelo [alterado automaticamente pelo denuncio]. Mas não souberam nos informar, apesar da conta ser também do Santander.
Fomos até a delegacia de polícia e registramos boletim de ocorrência. Em resumo, por falha de segurança do banco tivemos um prejuízo financeiro. Entendemos que é de responsabilidade da instituição financeira garantir aos seus clientes a mínima segurança. E isso não aconteceu, uma vez que [alterado automaticamente pelo denuncio]s criaram uma conta no próprio Santander, possivelmente com o único intuito de [alterado automaticamente pelo denuncio] terceiros. O banco evidentemente é o responsável pela abertura de contas, tendo a obrigação de verificar a veracidade da documentação e as informações dos seus clientes. Inclusive deve assegurar sigilo nas informações bancárias.
Para nossa surpresa, o Santander, além de não dar a segurança necessária a seus clientes, não está demonstrando interesse em começar a resolver a questão, fazendo a devolução dos recursos retirados [alterado automaticamente pelo denuncio]mente. Age como se não fosse parte do problema. Neste sentido já protocolamos reclamação junto ao Banco Central para que estabeleça a justiça.

Gilberto Tadeu Vicente
Diretor Presidente
Resposta da Empresa:
18 de janeiro de 2018, às 23h40min
A empresa em questão ainda não se pronunciou sobre esta denúncia.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!