Categorias de empresas:
Pesquisar empresas:
Pesquise acima por categoria ou empresa e faça sua denúncia.
24 de março de 2016, às 21h09min
Realizada
Aquiraz - CE

Incapacidade para Atendimento

Gostaria de parabenizar os funcionários da Agência do Banco do Brasil de Aquiraz -CE, por representarem com magnitude o que há de pior no funcionalismo público brasileiro, incompetência, ignorância, arrogância e acima de todos estes, total e completo desrespeito pela figura do cliente. Após esse breve agradecimento, do qual digo, é do fundo do meu coração... E novamente ressalto, VOCÊS representam o que HÁ DE PIOR no funcionalismo público, e graças à vocês é que essa classe é tão mal vista perante toda a sociedade.

Minha saga começou na terça-feira dia 21/03 para tentar abrir uma conta corrente para o empregado doméstico que temos, fui junto para auxiliá-lo pois ele tem conhecimentos bastante limitados nessa área.

Primeira tentativa: terça-feira - 21/03/2016, chegamos ao banco, solicitamos a senha para abertura de contas, a atendente verificou os documentos, disse que estavam ali todos os documentos necessários para a abertura e nos deu a senha. Chegamos ao banco por volta de 11h40, aguardamos até as 13h50, foi quando eu fui questionar o porquê de tanta demora e fui informado que o sistema havia "caído" as 11h50, ou seja, fiz papel de [alterado automaticamente pelo denuncio] por duas horas, sem ninguém sequer dar qualquer tipo de aviso, sobre a falha de comunicação com o sistema central. Importante ressaltar que de seis mesas para atendimento, apenas dois atendentes lá estavam, um atendendo as prioridades e o outro o restante. Fui orientado a ir até a agência dos Correios e tentar fazer a abertura da conta por lá. Fui então para os Correios onde o sistema também estava fora. Resumo do dia: quase 04 (quatro) horas perdidas pela incapacidade dos atendentes de informarem que o sistema estava fora. Afinal, um simples aviso deixa a opção para o cliente de esperar ou não.

Segunda tentativa: quarta-feira - 22/03/2016, para tentarmos agilizar o processo, fomos direto a agência dos Correios de Aquiraz - CE, onde tivemos a excelente notícia que as contas abertas por aquela unidade estavam levando em torno de 60 dias para serem ativadas, questionei o porquê de tamanha demora e o atendente disse que não sabia explicar, a única coisa que sabia me dizer, era que os processos de abertura de contas feitos ali, eram encaminhados para Goiás (aí sim fiquei sem entender mais nada). Retornamos ao banco, novamente solicitamos a senha de abertura de conta, entramos e outra vez, convenientemente próximo ao horário do almoço, em torno de 11h30, outra vez o sistema "caiu". De novo, das seis mesas de atendimento, apenas dois funcionários estavam atendendo. Resumo do dia: como optei por não fazer papel de trouxa novamente, decidi voltar pra casa, e lá se foram mais 02 (duas) horas perdidas.

Terceira tentativa: quinta-feira - 24/03/2016, como já estava aprendendo que o processo de atendimento era lento e amarrado, decidi chegar ao banco logo na abertura para pegar as primeiras senhas a serem distribuídas, e assim o fiz, chegamos as 10h e recebemos a senha de número A010. Hoje milagrosamente das seis mesas tinham quatro atendentes (felicidade que não durou muito, pois em torno de 1h20 após a abertura do banco, esses outros dois atendentes simplesmente sumiram). Aguardei pacientemente durante 2h07 minutos, que foi quando minha senha foi chamada no painel, dentro dessas 2h07 minutos de espera pude observar algumas coisas, entre elas, que foram atendidas 12 pessoas sem senha, que simplesmente chegavam no cantinho da mesa, e assim que encerrava um atendimento já sentavam-se ali e assim por diante, lembrando que essas pessoas atendidas anteriormente a mim não eram prioridades, e ademais, eu cheguei ao banco logo que ele abriu, CONHECI as dez pessoas que estavam a minha frente, e vi outras 12 (repito, doze) pessoas serem atendidas sem senha na minha frente, sempre usando o jeitinho de ficar ao lado da mesa ou por ser conhecido do atendente, afinal já chegava cumprimentando pelo nome e apertando a mão, e já era atendido. Não obstante a isso tudo, quando perguntava do por que aquilo estar acontecendo, recebia uma resposta arrogante da seguinte forma: - Você não pegou a senha já, aguarde que vai ser chamado! Quando finalmente chegou a minha vez de ser atendido, como se não bastasse tudo que eu já havia passado, apresentamos os documentos, e, na hora do comprovante de endereço, como o empregado mora com a gente, mostramos o comprovante em nome da minha sogra (o mesmo que mostramos na terça-feira e a atendente disse que não tinha problema), pois todas as contas estão no nome dela. Resultado, não foi aceito a menos que minha sogra fizesse uma declaração de residência para ele registrada em cartório. Infelizmente minha sogra possui problemas de mobilidade, mas todavia daríamos um jeito de levá-la até o cartório para fazer a bendita declaração. Questionei se após todo aquele martírio, poderíamos ao menos dar a entrada no processo de abertura da conta (nesse meio tempo minha esposa iria com a minha sogra até o cartório e resolveria isso), entretanto, outra vez, obtive outra resposta, arrogante, ignorante e mal educada: - Se os documentos não estão todos certos, não há nada que possamos fazer para lhe ajudar.
Resumo do dia: mais de 02h30 perdidas outra vez, e nada foi solucionado.

Resumo total: mais de 08h30 (oito horas e trinta minutos), perdidas na tentativa de abrir uma simples conta corrente, não é um empréstimo milionário, nem financiamento de casa ou carro, é apenas uma conta corrente.


Agora senhores gestores regionais e nacionais do Banco do Brasil, eu lhes pergunto:

- Essa é a política de trabalho que representa o Banco do Brasil?

- É de praxe o vosso banco tratar com tamanho despeito uma pessoa que está tentando ser seu futuro cliente?

- Por que é uma agência do interior ela pode fazer suas próprias regras?

- Ahhh (lembrando que eu pedi para falar com o gerente, e me disseram que ele estava muito ocupado para me atender).

- O que vocês farão a respeito, que medidas serão tomadas?

P.S.: Peço desculpas por retratar tudo em tamanho nível de detalhes, tentei retratar fielmente o que aconteceu para que os senhores possam sentir o mesmo que senti durante esses três dias, ou seja, a nítida sensação de estar sendo feito de bobo;
Resposta da Empresa:
24 de novembro de 2017, às 15h04min
A empresa em questão ainda não se pronunciou sobre esta denúncia.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!