últimas notícias
  • 21 de setembro de 2012, às 07h30min
    RIO - Ganhar R$ 10 mil de indenização de uma companhia aérea, por causa do atraso de quatro horas de um voo, pode custar caro à juíza Luciana Santos Teixeira, titular do 26º Juizado Especial Cível Regional (JEC), em Campo Grande, onde a ação, coincidentemente, foi julgada. A Ordem dos Advogados do Brasil/Rio (OAB-RJ) acaba de entrar com uma representação contra a magistrada na Corregedoria do Tribunal de Justiça. A suspeita é que Luciana teria se valido do cargo para obter privilégios no processo. A OAB também entrou com representação semelhante na corregedoria contra o juiz auxiliar Cláudio Rodrigues, que trabalha com Luciana no 26º JEC. Foi ele quem julgou a ação e deu sentença favorável à colega.
  • 08 de junho de 2012, às 21h36min
    Brasília - O ex-diretor da Delta Construções no Centro Oeste, Cláudio Abreu, teve sua prisão revogada nesta tarde (8) pela 5ª Vara Criminal de Brasília. Ele foi preso no dia 25 de abril devido à Operação Saint-Michel, da Polícia Civil e do Ministério Público do Distrito Federal, que apurou desdobramentos da Operação Monte Carlo em esquemas de corrupção em Brasília.
  • 23 de setembro de 2011, às 10h23min
    A superveniente perda do interesse recursal causa a perda do objeto do recurso, provocando sua extinção Essa decisão foi tomada pela Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), no julgamento do recurso de Mário Covas Neto, filho do falecido ex-governador de São Paulo Mário Covas. Neto pretendia anular uma sentença, porém, após a interposição do seu recurso, nova sentença foi proferida, extinguindo o processo sem julgamento do mérito e, contra essa decisão, não houve impugnação.
  • Concessionárias de Água e Energia - 20 de julho de 2011, às 08h45min
    Rio de Janeiro – Depois de seis meses de repetidas explosões em bueiros da cidade do Rio de Janeiro, o Ministério Público Estadual pediu investigação criminal dos incidentes. O procurador-geral de Justiça, Cláudio Soares Lopes, adiantou que o promotor de Justiça Alexandre Graça requisitou a instauração de inquérito policial para apurar as possíveis responsabilidades pelas explosões nos bueiros. A pena para esse tipo de crime é de reclusão de um a quatro anos.

Receba novidades por e-mail:

FIQUE SEMPRE INFORMADO!